quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Descobertas



Eu descobri. É, dessas descobertas que nos fazem sentir os olhos arregalados. É, eu descobri que tudo pode ser bem mais do que eu pensei. Meus pensamentos agora me ensurdecem, e me sinto limpa. Estou voando o mais alto, o mais plano, o melhor que eu jamais tentei. Quero poder ter o poder de poder. Descobri. Ah, que maravilha a descoberta de que o mundo é repleto de armadilhas boas. Descobri mesmo que o sol brilha como um poema, e que o céu agora me parece uma melodia, daquelas gostosas de ouvir com a alma, que te embala profundamente. É, tudo são mistérios... mas eu descobri que posso descobrir sem me assustar...

Marcelle Silva