domingo, 10 de outubro de 2010

Aprendi que nada acontece por acaso

Acho um bênção a racionalidade. Mais ainda se a utilizamos de forma racional (rsrs!putz!). Gostaria de me referir a você que está me lendo, mas não consigo, então, continuemos...
Bem, estive pensando, não hoje ou nos últimos dias, mas há algum tempo, no quanto as coisas acontecem seguindo alguma ordem racional. Não consigo conceber isso, apenas consigo perceber que realmente sou uma privilegiada por entender que nada acontece por acaso; mesmo que nas horas de desespero eu caia ao chão, eu me descabele, queira sumir do mapa, mandar todo mundo se lascar, ficar sozinha ou fugir de casa, no fundo eu sempre sei: disso algo de bom me vai ficar. Não sei, mas tenho sido acompanhada pela mentalidade de que tudo e todos ao meu redor me falam sem emitir palavras; você que está me lendo agora tem lugar na minha vida... realmente não foi por acaso que você parou para ler. Todas as pessoas que eu conheci e que me fizeram mal ou bem; as pessoas que tenho conhecido através dos blogs, as pessoas que vejo durante a semana e mesmo aquelas com quem eu não tenho contato, eu tenho certeza de que não atravessaram meu campo de visão por acaso. Tudo passa por nós por algum motivo, e sempre vão nos marcar de alguma forma, nem que seja pra te influenciar a pensar no quanto você se acha feio (para descontrair, pessoal!), enfim....tudo e todos, todas as dores, as alegrias, as raivas, os sorrisos, as decepções, as mortes, os nascimentos, as conquistas, você que está me lendo e que provavelmente está discordando ou concordando comigo e que provavelmente vai comentar, TUDO TEM UM PORQUÊ PRA MIM. Sei que pode até nem influenciar nada na sua vida ler isso tudo o que eu estou escrevendo, e talvez eu nem tenha sido tão clara como eu gostaria, mas você está fazendo a diferença na minha vida sim, pode ter certeza.
Tenho conhecido pessoas nessa blogosfera que só pode ser coisa do destino mesmo; embora muitas vezes nos conheçamos só por comentários, ou por emails, ou msn, enfim... sinto um carinho, um afeto muito grande e tenho mais do que certeza de que estou aprendendo com essas pessoas.

Afinal, é para isso que somos racionais; a vida é uma eterna aprendizagem, e uma aprendizagem que fica, que levaremos pelo resto da vida, e por outras e outras vidas.

Acho que é só...acabo por aqui insatisfeita, achando que não expus o que eu realmente tenho por dentro, acho meio impossível conseguir reproduzir em palavras o que a gente sente por dentro.

Mas eu sinto que vocês me entenderão.

E agradeço pelo que estão me ensinando de mim e da vida, mesmo sem saberem.

Beijos e um ótimo fim de semana.