quarta-feira, 23 de outubro de 2013

E o pior de tudo

O pior de tudo, é ferir quando você se sente ferida. Quando você não sabe lidar com a desordem, ferir quem menos deveria. Ferir quem te ajuda na tentativa de ordenar o mundo ao redor. Tenho vergonha disso, de ferir. Tenho vergonha e sinto culpa o tempo todo, por tudo. E, acima de tudo, vergonha, nesse momento, de ferir com as minhas feridas. Vergonha de ser fraca. Desculpa.