domingo, 31 de outubro de 2010

Me deixa sonhar

Não quero morrer de amores,  
quero e preciso viver de amores nossos.
Não quero me perder, 
mas me achar e  me encontrar em você, 
no seu olhar, e sentir que faço parte
do teu todo, orgânico: 
ser parte do teu corpo, tua vitamina,
 tua comida, tua bebida...
Não quero ficar cega de amor, 
porque preciso ver teu sorriso que me ilumina, 
quando falo alguma bobagem.
Não quero me embriagar, 
quero estar sóbria e poder ouvir nitidamente, 
nossos passos no silêncio da noite.
Não quero acordar: 
me deixa dormir mais um pouco, 
e viver a realidade desse sonho.


Marcelle Silva